24 de nov de 2013

Everything About You Capitulo 6 - Ela está em minha cabeça



Austin On

Desde que sai da casa de Anna Marie eu não consigo parar de pensar nela, e isso é há quase 24 horas, isso me deixa louco, ela é marrenta e me odeia, qual é a logica de eu estar pesando nela? É nenhuma.

- Austin presta atenção!! – Ouvi o grito de Becky, eu, ela e Alex, meu brother estávamos sentados na calçada à frente da casa de Alex, era o que sempre fazíamos em sábados a tarde, por que eu não podia dizer que La Varnia era um lugar divertido, pois não era, era parado, muito parado.
- que houve? – perguntei um pouco irritado, odiava quando ela achava que mandava em mim.
- calma ai Austin não vem com essa de me tratar com as vadias que você pega. – disse Becky rudemente, ela era a minha melhor amiga desde pequena, mesmo minha mãe nunca ter gostado dela eu nunca deixei de andar com Becky ela é a única garota que realmente me intende, ela é como se fosse uma irmã, mesmo eu sabendo que ela tem uma quedinha por mim desde quinto ano do fundamental.
- me desculpa baixinha é que umas coisas andam me preocupando. – disse eu sem fita-la.
- o amigo ai parou de funcionar? – perguntou ela apontando para o meio de minhas pernas, ela ria, e eu a olhei com cara de “Vai se fuder”.
- não é nada disso idiota. – disse cruzando os braços.
- o que houve Mahone? – perguntou ela tocando meu ombro.
- lembra-se da Anna Marie? – perguntei a olhando apenas vi Becky revirar os olhos e assentindo logo em seguinda.
- então minha mãe anda defendendo ela, e o pior ela está me obrigando a leva-la para passear pela cidade. – falei soltando uma bufada em decepção, mas eu não estava confiando em meus atos, eu não estava decepcionado com a tarefa dada por minha mãe e isso me deixava irritado.
- você deve ter aprontando algo terrível para ela te dar esse castigo. – balbuciou ela em deboche, eu concordei, mas na verdade eu não concordava com as palavras de Becky, eu não achava que atracar de guia turístico para Anna Marie fosse um tipo de castigo, estava mais para uma diversão, ainda mais agora que eu queria me vingar dela pelo tapa que havia recebido ontem.
- o que acham de uma partida de basquete em vez de fofocarem? – perguntou Alex aparecendo de dentro da casa com a bola de basquete e logo atrás dele Andrew seu irmão mais novo.
- não estávamos fofocando. – falou Becky levantando e limpando a parte de trás do short sendo observada por Alex que não fazia questão nenhuma de esconder que olhava para a bunda dela.
- dá para parar. – falei lhe dando um toque na barriga ele logo acordou e me olhou como se pedisse desculpas, são não sabia o porquê eu e Becky não tínhamos nada e nunca teríamos Becky é minha irmãzinha.

Logo fomos para frente da garagem onde acoplada na madeira sobre a porta estava à cesta, e começamos o jogo, Becky sempre jogava com a gente e sempre era a minha parceira, éramos imbatíveis como dupla, eu e ela juntos era vitória garantida, sem querer me gabar, mas já fazendo isso tudo o que Becky sabe sobre estratégias de basquetes foi eu próprio quem ensinei, não posso fazer nada se sou um Lebron James* branquelo.

Anna Marie On

Eu estava em meu quarto e revirava o guarda roupa e, busca de uma roupa para dar uma volta pelo bairro, para fazer nada, por que ficar em casa olhando o teto não era uma opção boa.


Assim que estava pronta, vesti meus patins, e dentro da minha mochila meu tênis e sai pela porta da cozinha para que meu pai não me notasse, não queria ser impedida de sair de casa, eu queria ser livre, sair como fazia no brasil, aqui com meu pai tudo era proibido e eu odiava isso, por que eu não nasci para ficar

Logo já percorria a rua da minha casa, eu não sabia para onde ia apenas não queria ficar trancada em casa naquele calor de San Antonio, era sábado faltava duas semanas para o inicio das aulas e eu precisava me divertir antes de enfrentar a escola, eu obviamente seria notada, eu a novata, e mais a novata estrangeira, com certeza seria o centro das atenções por algum tempo, o que não me agradava em nada, nunca gostei muito de atenção ainda mais quando essa atenção inclui fofocas e invenções sobre mim o que com certeza acontecera quando eu entrar na escola do bairro, e eu estou odiando isso.

Coloquei o fone de ouvido e logo botei para tocar a musica em aleatório, tocava uma musica da Miley, 23, era uma ótima musica e eu estava viciada nela fazia algumas semanas.
Aquela musica para muitos poderia ser considerada ruim e com um toque de obscenidades e mau exemplo, mas para mim não importava, Miley não era mais Hannah Montana e não tinha mais 12 anos e ela cantava e fazia da vida o que bem queria e foda-se os outros, eu defendo ele por que sei o que ela deve estar passando, pressão todos querendo que ela seja perfeita, é o que sofro com meu pai, ele quer que eu seja a filha perfeita, o fato de que ele não me aceita do meu jeito me irrita, ele acha que pode ser pai agora depois de todos anos em que voltou para os EUA e deixou eu e minha mãe sozinhas, ele não foi homem o suficiente para manter uma família e achou um jeito de fugir daquilo tudo, e literalmente fugiu, esquecendo-se que tinha uma filha que mais tarde precisaria dele, e pelo jeito ele achou que poderia recuperar vários anos agora, o que me deixava com raiva, por que eu já havia feito minha vida e tinha o esquecido e esquecido da dor que ele havia me causado, a mim e a minha mãe também.


Com os pensamentos a mil mal percebi por onde andava, fui tirada dos pensamentos por algo duro acertando em cheio minha cabeça, merda o que foi isso? Eu cai ao chão e logo fechei os olhos não vendo e ouvindo mais nada. 



Heey divas vim postar mais um capitulo pra vocês, espero que tenham gostado e que comentem muito <33
e pra vocês ficarem tranquilas eu tirei a tala do meu pé quinta eu já estou caminhando uhules \o/ obg pela mensagens de melhoras ♥♥

* Sara Santos sabia como se afiliar <aqui>
* Lebron James é um famoso jogador de basquete da NBA, e eu sou suspeita para falar sou fã do cara :), ele joga no Miami Heat, eu ia escolher um jogador San Antonio Spurs que é um time de basquete de San Antonio, mas resolvi optar pelo Lebron :)

Continua com 5 comentários



5 comentários:

  1. Continua perfeito tambem amo essa musica da miley o capitulo esta perfeito com sempre

    ResponderExcluir
  2. adorei o capitulo *-*
    acho q foi uma bola de basquete, hahaha
    continua logo, please
    Xx

    ResponderExcluir
  3. Continuaa
    Ela desmaiou? so to imaginando a forca da bolada pra ter acontecido isso. Levar uma bolada de bola de basquete na cabeca doi mt
    Mt perfeito
    Xx
    P.S: Eu ja ouvi falar desse Lebron James :)

    ResponderExcluir
  4. Continua logo ta perfeito de mais como sempre vc é diva <3

    ResponderExcluir